Israel com Crianças

Desde o inverno eu comecei a trabalhar como Madricha Chevratit, uma espécie de guia logístico, em viagens de turismo educacional da comunidade judaica do Brasil. Além do já famoso Taglit-BirthRight Israel, que traz jovens entre 18-26 anos para conhecer o país, muitas comunidades como escolas, sinagogas, etc, organizam viagens em grupo à Israel.

É um trabalho super intenso e cansativo, praticamente 24 horas por dia, entre 10 a 15 dias. Mas esse trabalho me permite conhecer lugares de Israel que dificilmente conheceria sozinha.

Meu penúltimo grupo eram famílias de São Paulo, da Comunidade Shalom. No grupo havia 7 crianças entre 7-11 anos, então em alguns momentos que os adultos visitavam locais mais pesados, como o Museu do Holocausto, ou chato para as crianças, eu ia com os pequenos pra outros lugares. Eu me diverti muito, por isso resolvi compartilhar com os leitores do Conexão Israel algumas atrações bacanas para quem vem à Israel com crianças.

Jardim Zoológico Biblíco – Jerusalém

http://www.jerusalemzoo.org.il

Um Jardim Zoológico com animais locais e alguns de faunas distantes (vi um mico-leão dourado!), além de uma Arca de Noé onde as crianças podem subir e tirar fotos. Há um trenzinho que circula por todo o zoológico, mas caminhar é bem tranquilo. Lotado de escolas e famílias. Meu destaque vai para a seção dos pássaros, cada um mais lindo e colorido do que o outro.

537809-Black-capped lory_4
Black-capped lory (não tenho ideia do nome em Português)

Museu da Ciência – Jerusalém

http://www.mada.org.il/en

Imperdível! Dentro do museu tivemos uma visita guiada sobre luz e sombra. As crianças aprenderam brincando sobre o tema, com várias coisas interativas: tirar foto da própria sombra, papéis com diferentes sensibilidades à luz, jogo de luz. O melhor – pra mim – é que o guia me inclui na brincadeira, tudo que as crianças faziam eu fazia também.

title-shadow-games
Sombra e luz.

A-B-See-Do – Museu da Diáspora – Tel Aviv

http://abagada.co.il/en

Uma área do Museu da Diáspora deidicada à Lingua Hebraica, com brincadeiras que ensinam muito sobre o idioma. Nele eu aprendi a dizer Boker Tov (bom dia) na lingaugem de sinais e pude escrever meu nome em braile.  Esse é um pouco mais complicado pra quem não entende hebraico, mas as crianças se divertiram com as brincadeiras.

Crianças aprendem a linguagem de sinais

Museu da Criança Israelense – Holon

http://www.childrensmuseum.org.il/template/default.aspx?PId=55

Esse museu tem várias exposições. Enquanto os adultos foram no Diálogos com o Tempo, eu fui com os pequenos (até 8 anos) para a Floresta Mágica onde tínhamos que ajudar a capturar um monstrinho que gostava de aprontar com as criaturas da floresta. Passamos por nunvens, escorrega de arco-íris e tempestade de neve. As crianças adoraram, principalmente a “neve”, um tubo joga pedacinhos de gelo em um chão congelado.

floresta
Escorrega!

 

Foto da capa: eu e uma parte das minhas crianças. Arquivo pessoal.

Comentários    ( 0 )

Comments are closed.