Dois meses para os jogos, Israel vem aí!

01/06/2016 | Cultura e Esporte

A Olimpíada de Londres ocorreria dois meses após a criação do Estado Judeu, em julho de 1948. Farewell Lichtblau e Raya Bronstein foram escolhidas para representar Israel nos Jogos, mas o COI rejeitou o pedido. Foi determinado que a entidade olímpica na Palestina  deixaria de existir com o término do Mandato Britânanico e, portanto, o recém criado Estado de Israel não teria direito a participar das competições. Houve pressão dos países árabes que ameaçaram boicotar os Jogos Olímpicos, fazendo com que o então cônsul britânico em Haifa se recusasse a emitir vistos para os membros da delegação israelense.

A primeira participação do Estado de Israel em Jogos Olímpicos ocorreu em 1952, nas Olimpíadas de Helsinque, Finlândia. A delegação incluiu 26 atletas. O atleta de maior destaque na época era o nadador Yoav Raanan que terminou a competição em nono lugar.

A pouco mais de dois meses do início das Olimpíadas e a milhares de quilômetros de distância do Rio, a delegação “azul e branco” está se consolidando. 43 atletas israelenses já garantiram seu espaço no maior evento esportivo do mundo e pelo menos mais 20 ainda sonham com uma vaga nos jogos. Decidi fazer um pouco de ordem e atualizar os interessados no assunto.

yarden
Yarden Gerbi, campeã mundial, é uma das grandes esperanças de medalha

Como é sabido, a maior delegação israelense em uma Olimpíada esteve em Pequim, em 2008, justamente com 43 atletas. Segundo o presidente do Comitê olímpico israelense, Gili Lustig, nos jogos deste ano, a delegação israelense baterá seu recorde. “Posso dizer com toda a convicção que a delegação do Rio será a maior que Israel já teve em todos os tempos”.

Até hoje, dentre os 43 atletas confirmados nos jogos, temos: nove no atletismo, sete no judô, seis na natação, seis na ginástica artística, quatro na vela, dois no windsurf, dois no nado sincronizado, um no tiro, um no taekwondo, um na ginástica olímpica, um na luta olímpica, um no triatlo, um no ciclismo mountain bike e um no badminton. O país tem ainda

ori
O judoca Ori Sasson também tem grandes chances de trazer medalha

grandes chances de ser  representado no golf, no tênis, no remo e na esgrima. Alguns atletas ainda participam de competições para tentar atingir o critério olímpico e israelense e outros aguardam a divulgação das classificações nas respectivas modalidades.

Esta é a lista atualizada dos atletas israelenses já confirmados para o Rio:

Atletismo: Chana Minenko (salto triplo), Margarita Dorjon (lançamento de dardo), Dima Kroit (salto em altura), Donald Sanfor (400 metros rasos), Tasme Mugas (maratona), Maaro Taperi (maratona), Agaj Guada (maratona), Luna Chamtei (maratona), Maor Tiuri (maratona).

Judô: Yarden Gerbi, Linda Bolder, Gili Cohen, Shira Rishoni, Sagi Muki, Golan Polak, Ori Sasson

Ginástica Artística: Neta Rivkin, Katerina Levina, Alona Koshivetski, Ida Meyerin, Karina Lichber, Yuval Filo

Natação: Yakov Tomarkin, Amit Ivri, Andrea Morez, Gal Nevo, Ziv Kolantrov, Zohar Shikler

Vela: Eyal Levin, Dan Froylich, Gil Cohen, Nina Amir

shachar
Muitas fichas depositadas em Shachar Tsuberi, medalhista de bronze em Pequim

Windsurf: Shachar Tsuberi, Maayan Davidovich

Nado sincronizado: Anastasia Glushkov, Yvgenia Tetelbaum

Badminton: Micha Zilberman

Ginástica: Alex Shatilov

Luta Olímpica: Ilana Kartish

Ciclismo Mountain Bike: Shlomi Chaimi

Taekwondo: Ron Athias

Triatlo: Ron Dermon

Tiro: Sergey Richter

As maiores esperanças estão depositadas em Yarden Gerbi, Alex Shatilov, Ilana Kartish, Ori Sasson, Shachar Tsuberi e nas meninas da ginástica artística. Estaremos na torcida pelos nossos atletas e atualizaremos os principais resultados em nossa página do Facebook.

* O judoca Tomi Arshanski aguarda definição para garantir uma vaga através das quotas continentais

Comentários    ( )

One Response to “Dois meses para os jogos, Israel vem aí!”

  • Raul Gottlieb

    01/06/2016 at 15:01

    Serão muito bem recebidos por aqui. A CJB foi declarada sinagoga oficial do evento e vai ter atividades para os atletas que quiserem participar.