São de verdade

10/08/2016 | Cultura e Esporte

Eu sempre parei na rua para observar. Achava-os curiosos, intrigantes. De repente, abriam um sorriso aos que olhavam com fisionomia tensa. Sei que estão presentes em várias partes do mundo. Figurinhas fáceis em calçadões. Só faltava mesmo ocorrer um encontro destes artistas, aqui pertinho, para admirar, apreciar.

Pois, entre 5 e 7 de julho, houve o “Rehovot Internacional Live Statues Festival 2016”. Isso mesmo! Um evento mundial de estátuas humanas, na cidade de Rechovot, 25 quilômetros ao sul de Tel Aviv. Vieram representantes da vários países. Eu destaco espanhóis, franceses, alemães, belgas e ingleses. Em edições anteriores, trouxeram, inclusive, latinos.

As estátuas ficaram expostas no decorrer de uma via. A interação com o público varia, de acordo com a atração. Destaco o “peep show sem apelo sexual”. O transeunte chega, olha pelo buraco, coloca uma moeda e assiste a uma performance. As crianças também tiveram vez. Estátua sorridente fazia saudação carinhosa, parte de sua coreografia.

Independente da beleza artística e criatividade, a iniciativa já vale por exaltar expressão de rua que, muitas vezes, é vista como “esmola”. Na mídia israelense, há espaço similar ao de um festival de cinema. A presença e carinho do povão comprovam o sucesso.

Que venha a próxima edição em 2017. Estarei lá para aplaudir e reverenciar o talento de todos eles.

Links: http://www.carnifest.com/events/israel/rehovot/1122/rehovot-international-live-statues-festival-2016.aspx
http://www.israel21c.org/sculptures-take-on-a-life-of-their-own-in-rehovot/
http://www.haaretz.com/israel-news/travel/israel-destinations/1.728317

Fotos: Any Dana e Ian Dana.
Foto da capa: http://www.haaretz.com/polopoly_fs/1.662746!/image/2272950465.jpg_gen/derivatives/headline_1200x630/2272950465.jpg

Artigos relacionados

Ver mais artigos

Comentários    ( 0 )

Comments are closed.