Sobrevivente da vida

07/04/2013 | Sociedade

Dia do Holocausto, dia de lembrar o que poderia ter sido. Lembramos os 6 milhões de crianças, mulheres, idosos, homens do nosso povo que caíram nas mãos dos nazistas. Dia de dizer nunca mais! Dia de homenagear também aqueles que resistiram e, por sua luta e perseverança, ainda estão conosco. Nos contaram suas histórias, suas lutas, suas fugas, seus traumas. Dia de homenagear meus avós, grandes contadores de história. Sento agora mais uma vez no sofá da sala e começo a ouvir esses gigantes, que viram o impensável com seus olhos e tiveram força para continuar. Memória rica em valores e bom senso, com coincidências que mais parecem milagres, ou milagres que mais parecem coinciência. Dedico esse poema a esse dia e a vocês, meus avós. Vocês me fizeram sobrevivente e sonhador de um mundo melhor!

 

Na foto, quatro sobreviventes dos horrores nazistas
Na foto, quatro sobreviventes dos horrores nazistas

Sobrevivente da Vida

por David John Gruberger

Sobrevivente da vida
Fugindo da morte injusta
Sobrevivente das coincidências
Driblando o vento e a lei

Revolucionário que não sou
Perseguido por respirar
Viver foi meu destino nobre
Nessa humanidade de memória pobre

O vento continua soprando
Para onde vai esse mundo calado?
Quantos vão sofrer da natureza humana?
E a vida. Destino incerto, não realidade

Nunca é tarde demais
Nunca é tarde demais
Contar é meu destino revolucionário
Nessa humanidade de memória pobre

 

————————————————————

Hoje, ao pôr do sol, começou o Yom HaShoá (Dia do Holocausto). Durante um dia o Estado de Israel lembra o assassinato de seis milhões de nosso povo. Que essa lembrança possa servir de exemplo para impedirmos que episódios similares se repitam.

Comentários    ( 5 )

5 Responses to “Sobrevivente da vida”